Uber começa a gravar vídeo de viagens no Brasil com celular do motorista

A Uber anunciou nesta terça-feira (23) que vai oferecer mais uma ferramenta de segurança para parceiros. Agora, além de capturar áudio, a plataforma permitirá gravar vídeo durante as viagens. Ainda em fase de testes, a opção será oferecida por meio de um aplicativo parceiro e será restrita para motoristas.

Aplicativo da Uber (Imagem: Divulgação)

Aplicativo da Uber (Imagem: Divulgação)

A gravação de vídeo durante viagens está disponível em fase piloto para alguns motoristas em Aracaju. Os parceiros podem liberar as imagens se precisarem abrir uma reclamação de segurança. A opção deverá ser levada para todos os parceiros caso os testes sejam considerados satisfatórios pela plataforma.

Segundo a Uber, os passageiros serão informados de que a viagem será gravada em vídeo antes de entrarem no carro. Com o aviso, os usuários podem cancelar a viagem e aguardar outro motorista. A empresa afirma ainda que a iniciativa foi analisada por sua equipe de privacidade para garantir o cumprimento de regras para proteção de dados.

Uber permite grava vídeo de viagens (Imagem: Divulgação)

Uber permite grava vídeo de viagens (Imagem: Divulgação)

Uber testa gravação de vídeo no Brasil

O recurso de gravação de vídeo da Uber foi liberado para um grupo reduzido e será levado aos poucos para todos os motoristas em Aracaju, que poderão escolher se participam ou não da fase de testes. A empresa deve usar o período para fazer ajustes na ferramenta e, depois, oferecê-la para parceiros em todas as cidades.

As gravações ficam criptografadas nos celulares e não podem ser acessadas por ninguém, nem mesmo por motoristas. O parceiro pode encaminhar o arquivo para a Uber que, em um primeiro momento, tem apenas informações básicas. Se uma reclamação de segurança for aberta, o material pode ser usado na denúncia.

É neste momento que a Uber, que conta com a chave da criptografia, pode acessar o vídeo. Assim como acontece com a gravação de áudio, a empresa usará o material para realizar sua análise e poderá compartilhá-lo para auxiliar eventuais investigações de autoridades públicas.