Smartwatch Huawei Watch GT 2e: parceiro do seu treino, mas pouco smart

Smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

Smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

O Huawei Watch GT2e está em uma posição superior em relação às smartbands e um passo para trás dos smartwatches completos. Com outra proposta no segmento, o relógio inteligente da chinesa foca em atividades físicas e na qualidade de vida, tem tela AMOLED, bateria de longa duração e GPS integrado.

O GT 2e é mais acessível que o GT 2 comum e pode ser encontrado em varejistas nacionais por até R$ 1.100. Será que compensa? Os recursos funcionam bem? O Huawei Watch GT 2e não saiu do meu pulso nos últimos dias e compartilho agora a minha experiência de uso.

Análise do Huawei Watch GT 2e em vídeo

Aviso de ética

O Tecnoblog é um veículo jornalístico independente de tecnologia que ajuda as pessoas a tomarem sua próxima decisão de compra desde 2005. Nossas análises de produtos são opinativas e não possuem nenhuma intenção publicitária. Por isso, sempre destacamos de forma transparente os pontos positivos e negativos de cada produto.

Nenhuma empresa, fabricante ou loja pagou ao Tecnoblog para produzir este conteúdo. Nossos reviews não são revisados nem aprovados por agentes externos. O Huawei Watch GT 2e foi fornecido pela Huawei por empréstimo. O produto será devolvido à empresa após os testes.

Design e tela

Smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

Smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

O Huawei Watch GT 2e é um relógio simples e sofisticado ao mesmo tempo. A pulseira de borracha é muito bonita e a estrutura de aço inoxidável contribui para uma sensação de estar com um produto premium no pulso. O relógio ainda fica firme e confortável sem pesar muito, o que é ótimo se você cogita dormir com o vestível para monitorar o sono.

Ele é vendido em apenas uma versão de 46 mm e está disponível em quatro cores diferentes, incluindo vermelho e verde com furos para um visual ainda mais esportivo. A troca de pulseira, inclusive, é relativamente fácil com a remoção dos pinos sem a necessidade de usar objetos próprios para isso.

Smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

Smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

A caixa do relógio abriga dois botões na lateral direita e o segundo pode ser configurado como você quiser: é possível acionar ele para exercícios, registros, ritmo cardíaco, checar notificações, entre outros. Já o botão superior serve exclusivamente para acessar o menu ou retornar ao mostrador.

Por falar nisso, a Huawei caprichou nessa telinha sensível ao toque de 1,39 polegada, que é AMOLED e tem 454 x 454 pixels. Ela consegue exibir animações com muita eficiência, as cores são fortes, assim como o brilho. Sob a luz solar, a visualização só é favorável com a luminosidade no máximo. E em configurações, você consegue deixar a tela sempre ativa, se assim desejar.

Recursos e experiência de uso

O Huawei Watch GT 2e conta com uma série de recursos para o seu treino. Ao acessar o menu esportes, você terá acesso aos modos de corrida exterior e interior, caminhada, ciclismo, natação, escalada, trilha e até opções muito específicas, como dança de rua, dança latina, artes marciais, dardos, caça, peteca e até cabo de guerra. Para atividades aquáticas, o gadget é resistente à água em até 5 ATM (ou 50 metros).

O menu do relógio traz outras funções bacanas que permitem analisar a frequência cardíaca, o nível de estresse, a qualidade do sono e a quantidade de passos. Um diferencial importante é o sensor de SpO2, responsável por fazer a medição da saturação de oxigênio no sangue, e que, geralmente, não encontramos em pulseiras fitness.

Smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

Smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

Medição da saturação de oxigênio no sangue (SpO2) no Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

Medição da saturação de oxigênio no sangue (SpO2) no Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

Todas as informações da sua saúde extraídas pelo Huawei Watch GT 2e ficam registradas no app da marca e o que mais me encantou foi o nível de detalhamento do sistema da empresa. Além de manter um histórico, qualquer consumidor leigo consegue entender os dados exibidos no aplicativo.

O monitoramento cardíaco funciona adequadamente exibindo de forma simples o pico e o mínimo registrado em cada dia. E em comparação com o Samsung Galaxy Fit 2, os registros do meu batimento eram semelhantes. O mesmo aconteceu com a análise de passos, com ambos os gadgets registrando uma diferença mínima entre eles. Eu fiz esse teste com a pulseira da Samsung, pois ela é uma opção interessante para clientes que não buscam por um relógio e sim um dispositivo mais discreto e acessível.

Monitoramento do sono (esquerda) e frequência cardíaca (direita) no app Huawei Health (Imagem: Reprodução/Huawei Health)

Monitoramento do sono (esquerda) e frequência cardíaca (direita) no app Huawei Health (Imagem: Reprodução/Huawei Health)

No entanto, o meu recurso favorito no Watch GT 2e é, sem dúvidas, o monitoramento de sono devido à precisão e, novamente, aos detalhes. Durante os meus testes, o relógio conseguiu identificar o horário exato que eu ia dormir e me entregava de manhã como foi a minha noite. Ele também mostra quantas horas você dormiu, fazendo divisões por sono leve, pesado e REM, tudo detalhado para qualquer pessoa entender.

Mas nem tudo funciona bem. O aplicativo que concentra todas essas informações é o Huawei Health, disponível na App Store e na Google Play Store. E, sendo bem direto, eu não indicaria o Watch GT 2e para usuários de iPhone, porque você não vai desfrutar de todos os recursos como no Android e a Huawei erra por não deixar isso claro para o consumidor.

Eu usei um iPhone 11 e um Galaxy A21s para testar o smartwatch e a experiência foi muito mais completa no dispositivo da Samsung. Por exemplo, quem tem iPhone ficará limitado a apenas 12 mostradores, enquanto no sistema do Google você terá acesso a mais de 60, ou seja, uma diferença gritante.

Samsung Galaxy A21s com o smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

Samsung Galaxy A21s com o smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

As notificações também mudam. Quando conectado ao Galaxy, o relógio exibia a imagem do aplicativo, mas na Apple ele mostrava um ícone genérico em alguns apps. É importante frisar que você até consegue ler as notificações do celular no relógio, mas não pode responder. Outro problema que me incomodou foi o pareamento; o Huawei Watch GT 2e falhava em todas as tentativas de interação com o iPhone e no Android isso acontecia em segundos.

Smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

Smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

Smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

Smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

O smartwatch da chinesa trabalha com o Kirin A1, um chip exclusivo para vestíveis. Ele vem com 4 GB de memória interna, porém o sistema já utiliza metade disso. Você pode usar os 2 GB restantes para adicionar músicas e ouvir depois durante uma corrida com um fone Bluetooth conectado. No auge do streaming, será que ainda faz sentido baixar música e transferir para o relógio?

Por outro lado, quando o fone está conectado ao seu smartphone que também está pareado com o relógio, a função de música do Watch GT 2e agora consegue pausar ou avançar uma faixa no Spotify, bem como aumentar e reduzir o volume. Isso ainda me lembra que não há como adicionar aplicativos de terceiros, então é bom levar isso em consideração antes da compra.

Bateria

A autonomia de bateria é o grande atrativo do gadget da Huawei. A empresa afirma que é possível ter até duas semanas de uso com apenas uma carga, mas é claro que isso depende da forma como você vai utilizar o produto na prática.

Smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

Smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

Com o monitoramento contínuo dos batimentos cardíacos, do sono e de estresse sempre ativados, eu consegui exatamente uma semana de uso, o que é excelente. O Watch GT 2e ainda estava programado para exibir todas as notificações do WhatsApp, Twitter, Messenger, Gmail, Instagram, Slack e qualquer outra mensagem que chegasse no smartphone.

Se você quiser, é possível desligar todos esses recursos no aplicativo para poupar a bateria. Outra alternativa é desativar alguns alertas de apps específicos.

Huawei Watch GT 2e: vale a pena?

Eu até poderia criticar a Huawei por não disponibilizar o Wear OS no GT 2e, mas entendo que o objetivo aqui é oferecer um dispositivo um pouco mais avançado que as smartbands. Levando em conta essa estratégia, posso concluir que o Watch GT 2e é uma opção interessante para consumidores básicos que pensam em se aventurar pelo mundo dos relógios inteligentes pela primeira vez.

Smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

Smartwatch Huawei Watch GT 2e (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

Em recursos de saúde e qualidade de vida, o produto realmente consegue entregar o combinado e a minha experiência foi positiva, graças aos dados precisos que a Huawei fornece. O monitoramento do sono, por exemplo, é ótimo com detalhes pertinentes da sua noite.

Também existem outros pontos que a empresa precisa melhorar. A integração com dispositivos iOS é o primeiro passo. Eu testei várias vezes com um iPhone 11 e um iPhone 12 e a comunicação entre os dispositivos falhava tanto que, às vezes, dava vontade de desistir. Além disso, entregar mais recursos no Android também é muito decepcionante.

Considerando tudo isso, o Huawei Watch GT 2e é recomendado para você que não tem interesse em adquirir uma smartband; é dono de Android; e busca por um smartwatch mais acessível. Para quem procura por mais recursos, talvez valha a pena investir em um relógio mais completo, como o Galaxy Watch Active 2 ou, se você tem iPhone, o Apple Watch SE é uma opção, mas também não deixe de analisar as versões antigas.

DestaqueHuaweiWatch GT 2e