PS5 retorna à Amazon Brasil após esgotar em várias lojas

Neste final de semana, diversas lojas online voltaram a vender o PlayStation 5 pelo preço oficial da Sony: dessa forma, quem estava interessado no novo console poderia adquiri-lo sem pagar o dobro ou triplo em revendedores. Ele já esgotou no Submarino, Casas Bahia, Magazine Luiza e outras varejistas, mas pode ser encontrado na Amazon — inclusive o PS5 Digital Edition mais barato.

PlayStation 5 (Imagem: Divulgação/Sony)

PS5 ou Digital Edition?

A Sony deu duas opções de console para esta nova geração: o PS5 padrão, com leitor de disco; e o PS5 Digital Edition, que só conta com jogos adquiridos da PS Store, e não funciona nem com drives externos de Blu-ray. Ou seja, quem já possui mídia física para PS4 ou PS4 Pro não deveria levar o PS5 Digital Edition, a menos que queira comprar os jogos de novo.

E para quem está começando? Nas últimas semanas, eu comprei um PS4 Pro usado e uma série de jogos em promoção através da PS Store por serem mais baratos que as respectivas versões em mídia física — eu pesquisei todas, é claro, porque sou pão-duro. Mas se, em algum caso, o disco for mais acessível, eu gostaria de ter essa opção.

Além disso, confesso que eu fico um pouco receoso de investir em um videogame que me ofereça apenas uma forma de adquirir jogos. No caso do PS5, você fica mais sujeito às variações de preço da Sony. Vale lembrar que, este ano, mais de 100 jogos ficaram mais caros na PS Store brasileira, em parte devido à valorização do dólar.

No fim, a decisão cabe a quem vai comprar: economizar R$ 500 agora na Digital Edition, pegar o PS5 padrão, ou esperar mais algum tempo até os preços baixarem?

PS5 Digital Edition à venda (Imagem: Reprodução/Amazon)

PS5 Digital Edition à venda (Imagem: Reprodução/Amazon)

PS5 na Amazon Brasil

Estes são os links da Amazon com os preços oficiais da Sony; ambos voltarão ao estoque só em 27 de janeiro de 2021, com entrega a partir de fevereiro:

A Microsoft diz em seu site oficial que o Xbox Series X e Series S estão esgotados no Brasil. O Tecnoblog também ficará de olho para ver quando esses modelos voltarão a serem vendidos no país.

Nota de transparência: os links acima têm código de afiliado. Clicando neles, os preços não mudam, mas o veículo pode ganhar uma comissão da Amazon.