Nintendo Switch oficial baixa de preço na Black Friday em lojas online

A Amazon inaugurou a Loja Nintendo oficial nesta semana, passando a vender o Switch brasileiro oficial e diversos jogos, e já está oferecendo desconto no console durante a Black Friday 2020. Os preços também caíram em outras varejistas, incluindo Americanas, Submarino e Magazine Luiza — mas é bom prestar atenção.

Nintendo Switch (Imagem: Lucas Lima/Tecnoblog)

Promoção de Nintendo Switch na Black Friday

Os preços do Switch na loja oficial da Amazon seguem abaixo; eles são os mesmos para pagamento à vista ou parcelado em até 10x sem juros:

O Tecnoblog também verificou quanto o Switch está custando em outras lojas online. Estes eram os preços válidos na quinta-feira (26) às 19h30, horário de Brasília, e podem ser alterados nas lojas sem aviso prévio:

Loja Switch + Joy-Con cinza Switch + Joy-Con vermelho e azul Amazon R$ 2.564,05 à vista ou a prazo R$ 2.564,05 à vista ou a prazo Americanas R$ 2.564,99 no boleto ou R$ 2.699,99 R$ 2.564,99 no boleto ou R$ 2.699,99 Submarino R$ 2.564,99 no boleto ou R$ 2.699,99 R$ 2.799 à vista ou a prazo Magazine Luiza R$ 2.849,05 à vista ou R$ 2.999 R$ 2.564,05 à vista ou R$ 2.699,99

Os valores podem variar dependendo da cor e da forma de pagamento. Vale notar que donos do cartão Submarino podem dividir na loja em até 18x sem juros; enquanto clientes do cartão Magalu têm prazo de até 30 meses, também sem juros.

Joy Cons (Imagem: Lucas Lima/Tecnoblog)

Joy-Cons (Imagem: Lucas Lima/Tecnoblog)

Os acessórios oficiais não baixaram de preço: por exemplo, você ainda encontra o Joy-Con rosa e verde (Neon Pink e Neon Green) e Joy-Con vermelho e azul (Red/blue) por R$ 469,99 nas Americanas e Submarino.

Os jogos também permanecem caros, até onde pudemos verificar. No entanto, você pode aproveitar descontos na Loja Nintendo em títulos como Super Mario Party, The Legend of Zelda: Link’s Awakening, Cuphead, Diablo 3 e Hollow Knight.

Nota de transparência: os links acima têm código de afiliado. Clicando neles, os preços não mudam, mas o veículo pode ganhar uma comissão da Amazon.