Google quer combinar home office com trabalho presencial em 2021

O Google estuda flexibilizar a rotina de trabalho no futuro. De acordo com um email enviado pelo CEO Sundar Pichai aos funcionários no domingo (13), a companhia norte-americana cogita em implementar o esquema de “semana de trabalho flexível”, que mescla dias de home office e de atividades presenciais na mesma semana.

Google (Foto: André Fogaça/Tecnoblog)

Os planos, caso sejam viáveis, devem entrar em vigor quando houver segurança para o retorno aos escritórios. Em home office desde o começo de 2020 devido à pandemia de COVID-19, doença causada pelo novo coronavírus, a companhia adiou novamente a retomada do trabalho presencial, dessa vez de julho para setembro de 2021.

A volta, no entanto, pode não ser totalmente no escritório. De acordo com o email enviado aos funcionários ao qual o New York Times teve acesso nessa segunda-feira (14), o Google trabalha com a hipótese de “semanas de trabalho flexíveis”, que prevê três dias de trabalho presencial e os demais em casa, em trabalho remoto.

“Estamos testando a hipótese de que um modelo de trabalho flexível levará a maior produtividade, colaboração e bem-estar”, diz o e-mail. “Nenhuma empresa em nossa escala jamais criou um modelo de força de trabalho totalmente híbrido – embora algumas estejam começando a testá-lo –, então será interessante tentar”.

Além do Google, outras companhias estudam ir além das fronteiras do escritório. Na semana passada, Tim Cook deu a entender que a Apple pode começar a se flexibilizar para o trabalho remoto no futuro. As atividades presenciais devem ser retomadas somente em junho do ano que vem, um mês antes do Facebook.

O Dropbox e a Microsoft seguem na mesma direção ao falar sobre adesão permanente ao trabalho à distância, assim como o Twitter. A Netflix vai esperar a vacina para retornar aos escritórios.

Google Brasil abre inscrição para estágio remoto em 2021

No fim de novembro, o Google Brasil anunciou a abertura de seu programa de estágio completamente remoto em 2021. Segundo a companhia, universitários de todo o país poderão participar do processo seletivo pela internet à 11ª edição do programa Business Internship Program. As inscrições estão abertas até 22 de dezembro de 2020.

Com informações: 9to5Google e The New York Times