Apple “corta” Hyundai de projeto de carro autônomo após vazamentos

A Apple e a Hyundai pisaram no freio. Após relatos sobre uma parceria entre as empresas para desenvolver um carro autônomo, a fabricante do iPhone interrompeu as negociações com a montadora a respeito do projeto. Os detalhes foram revelados pela Bloomberg e pela Reuters nos últimos dias.

Apple Store em Pequim, China (Imagem: Divulgação/Apple)

Apple Store em Pequim, China (Imagem: Divulgação/Apple)

Apple e Hyundai suspendem discussões sobre Apple Car

O hiato ocorre um mês após o surgimento de informações em relação às conversas. No começo de janeiro, a Hyundai confirmou a um periódico sul-coreano que estava em contato com a Apple acerca do assunto. A montadora, porém, afirmou que as negociações se encontravam em estágio inicial e que nada ainda havia sido decidido.

De lá para cá, vários rumores sobre a parceria vieram a público. É o caso do lançamento de um carro autônomo “beta” em 2022. Ming-Chi Kuo também falou quanto à possibilidade de o Apple Car utilizar uma plataforma elétrica da montadora sul-coreana. Houve até relatos a respeito de um veículo sem volante e um investimento da Apple na Kia, que faz parte da Hyundai Motor Group, e data para assinatura de contrato.

Agora, ambas as empresas parecem ter dado uma pausa nas tratativas, de acordo com a Bloomberg nesta sexta-feira (5). Além disso, conforme revelado pelo site especializado, a Apple está discutindo o assunto com outras montadoras.

À Reuters, a Hyundai e a Kia afirmaram, nesta segunda-feira (8), que não estão em negociação com a Apple a respeito da iniciativa, inicialmente conhecida como Project Titan. Ainda não está claro, porém, se as negociações entre as duas companhias serão retomadas ou não.

Até o momento, a Apple não comentou sobre o assunto.

Com informações: Bloomberg, Mashable, Reuters e The Verge